sábado, 8 de março de 2008

Fast Food Dreams



Os sonhos de ontem... Acabam amanhã.


Cada dia que passa, vejo com mais constância pessoas perdidas tentando se encaixar num nicho onde se sintam bem.


A verdade é que algumas levam suas vontade e atividades a níveis extremos somente para se encaixar.


Formam sonhos industrializados... que entram em estoque a cada cinco segundos, fast food dreams. Formam ideais que nos fazem duvidar que tenham quaisquer bases sólidas.


Através de atitudes, comportamento, consumismo, modo de falar. Tudo. Tudo é comprado, montado, medido e executado. E quando o material necessário para se estar entre aqueles a quem eles julgam sentir-se bem, ele fica parado, inerte, morto numa prateleira tão vazia emocionalmente quanto seu dono.


Não se estupra o caminho por onde se deve passar até se formar o caráter e a personalidade. Não se violenta a estrada que vai te levar até lá.


Infelizmente há passagens vendáveis em qualquer canto, basta ter o suficiente para obter uma.


Talvez o que essas pessoas solitárias e tristes precisem mesmo é de um amigo de verdade, de alguém em quem confiem para se abrir realmente, não através de sorrisos de um personagem superficial e obscuro. O que necessitam pode estar a poucos metros, ao alcance de suas mãos, basta esticar um pouco os braços, olhar em volta, tirar o véu que cobre sua visão e o afunda numa bolha de cristal sulrreal e então, finalmente, tal criatura será chamada humana.


Vista, apreciada, amada.


Não pelo que ela possui, não pelo que ela pode ter.


E certamente não por muitos, mas somente por aquele que valham à pena.


Olha através da bolha e tente compreender.


^^




9 comentários:

Emy disse...

Putz! Seu blog me apareceu na hora certa!
Esse texto era o que eu precisava ler ! :3

está maravilhoso n_n

Fran Briggs disse...

Oie Emy!

Fico feliz que o texto tenha servido para algum momento da sua vida, acho que nos dias de hj é mto comum ver esse comportamente em algumas pessoas... e o que mais me preocupa é que nem sempre esses individuos são pessoas ruins ou futeis, sabe?

As vezes são somente pessoas que não sabem como fazer para se encaixar em algum meio, para conseguir um bom amigo...

Há que se saber identificar os reais motivos de quem age assim, se por interesse, para causar algum efeito em alguém ou apenas pq quer ter um amigo mais sincero do que aqueles que os cercam. ^^=

Muito obrigada por ler e por comentar. ^__^*

Emy disse...

Verdade.
Pessoas que acabam mudando seu verdadeiro modo de ser, exageram nas coisas, tudo para se sentirem amadas, quando no fundo não se amam de verdade... E vão procurar isso nesses sonhos instantaneos, mas que depois evaporam... e elas voltam para o mesmo lugar...
Como você falou... as vezes são só pessoas que estão sem uma direção e querem de qualquer forma se encaixar.
Tudo que precisam é aprender a amar a si próprios porque esse, acho eu, que seja o primeiro passo pra aceitação das outras pessoas...
Mas como para elas o "fast food dreams" parece mais fácil, acabam se rendendo...
Eu vejo isso todo dia no meio em que convivo =T

[e eu falo demais ._.]

:*

Emy disse...

Ah eh! Quase esqueço!
Posso colocar o link do seu blog nos meus blogs favoritos lá no meu?
^^

Anônimo disse...

Oii, Fran, Adorei seu texto, mais uma vez muito bem escrito!
É verdade que nesse mundo o número desse tipo de pessoa só aumenta, mas a única coisa que sinto é pena delas, não me sinto no direito de julgá-las. Afinal não tenho a menor idéia do que passaram e nem todas nascem assim!!
Será que elas realmente precisam de um amigo em quem confiar?? Com certeza sim! O problema é achar um amigo desses num mundo tão egoísta como hoje! Em que o único objetivo para alguns é apenas fazer da amizade uma ferramenta para se utilizar das pessoas ao seu redor!

Continue escrevendo, pois adoro ler seus textos!

Fran Briggs disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fran Briggs disse...

Oiiii Anonimo! XD

Obrigada pelo comentário e concordo contigo sobre a parte de achar um amigo de verdade nos dias de hoje...

Você conta nos dedos e ainda sobra nove e meio, sabe? :/

Mas não acho que fingindo ser algo que não são fará essas pessoas felizes tb... :/

Bjucas. ^^

Lucas Lombardi disse...

Oiii Fran, muitas vezes também a pessoa é tão timida que pra fazer amigos, precisa que a outra pessoa tenha a sensibilidade e se aproximar dela... para conversar e assim começar a ter um relacionamento, pelo simples fato da timides muitas vezes atrabalha bastante.

Isso se vê muito claramente nas crianças.

Mas as pessoas de hoje estão tão egoistas que poucos tem essa sensibilidade, ou posso chamar tambem de Amor.

Lindo Texto... ;)

abração

blogg do salsicha disse...

Olá Fran,como estás?puxa,é muito lindo seu blog,realmente super bem detalhado.Eu gostaría de poder arrumar o meu,mas me meti a criar um,e por ser leigo,acabou ficando uma verdadeira salada de frutas.Sou gaúcho,de Porto Alegre,e adoramos o trabalho do Guilherme,para nós (eu e minha familia),ele é o dublador mais querido(não desmerecendo os demais),mas humildade é com ele mesmo.E claro,Parabéns pelo seu blog,ele me inspirou à melhorar o meu,a valorizar mais os conteúdos atuais.e a não me perder nas postagens.Abraços fraternais à vocês todos.